Saiba que as enzimas responsáveis pela ativação, transporte e o armazenamento da vitamina D, dependem do magnésio.

Isso significa que de nada adianta toda a quantidade de vitamina D recebida pelo seu organismo se não houver a quantidade correta de magnésio no seu corpo.

Quando mantemos o nível celular de magnésio adequado no organismo, através de dieta saudável e suplementação, podemos evitar a degeneração da saúde mental (demência e Alzheimer),  câncer de cólon e digestivo, além de manter a saúde do coração em dia.

Um sistema digestivo que não esteja saudável pode prejudicar a capacidade do organismo de absorver magnésio, o uso abusivo de álcool pode causar baixos níveis sanguíneos de magnésio, e problemas renais também podem contribuir para a perda excessiva de magnésio.

Uma equipe de pesquisadores mostrou os resultados de um estudo, publicado na famosa Revista Neuron, para explicar como o magnésio melhora a comunicação sináptica e a capacidade de rearranjo por parte das redes neurais, para permitir a aquisição de novas respostas ao meio ambiente. O principal autor do estudo, Dr. Guosong Liu concluiu que várias regiões do cérebro associadas ao aprendizado e a memória apresentaram melhoras significativas na função sináptica (passagem de informação pelos neurônios) como resultado da suplementação de magnésio. Ele observou “Nossos resultados sugerem que a elevação do teor de magnésio no cérebro através do aumento da ingestão de magnésio pode ser uma nova estratégia útil para aumentar as habilidades cognitivas”.

 

Recomendações e Fontes de Magnésio:

  • - Coma alimentos cultivados em solo orgânico, folhas verde-escuras e amendoim.
  • - Tome suplementos naturais de Cloreto de Magnésio PA
  • - Tome banhos de sal de Epsom para fornecer magnésio para o seu organismo.